Uma miríade de ideias.
Navegação

Você também pode navegar através do teclado:

:Próximo post
: Post anterior

No Twitter

 

“Uma empresa de varejo tem perdido ao longo dos anos um espaço cada vez maior do mercado. Buscado reagir a essa realidade foram contratados dois novos gerentes jovens com ideias bastante inovadoras. O problema é que a empresa é do tipo familiar, tradicional e tem muita dificuldade de aceitar ideias novas que chegam a diferentes setores. Um dos gerentes inclusive já pensou em se demitir tal é o nível de resistência enfrentado mesmo diante de um caminho de falência que se desenha. A direção geral tentou fazer com que as ideias fosse implementadas “na marra” e isso só complicou ainda mais o trabalho das novas gerências. Como seria possível resolver essa situação. ”

A solução de contratação de gerentes jovens não é necessariamente a melhor. Em se tratando de um negócio com o objetivo de prosperar, a melhor prática é contratar um gerente que fale a linguagem da empresa e do negócio e, a partir daí, todos os profissionais da empresa poderiam trazer novidades e serem responsáveis pela inovação e, o interfaceamento que se faz com a alta diretoria já estaria devidamente tratado de maneira que ficasse alinhado com o negócio. As ideias fluiriam mas, com a roupagem adequada e os funcionários teriam a ideia veio de todo o grupo tornando a implantação mais fácil.

Um adendo é que para ambas a questão proposta é sempre a mesma: Equilíbrio na supervisão e produção de respostas de maneira colaborativa.